3 de agosto de 2019

Os últimos filmes que vi #16

  Olá meu povo, como estamos? Hoje temos os últimos filmes que vi, em sua décima sexta edição. 💓 Temos filmes que vi nas telinhas e nas telonas, alguns superaram minhas expectativas, outros nostálgicos, tem para todos os gostos. Então prepara uma pipoquinha e vem saber quais são os filmes! 😉



Os últimos filmes que vi







1. Uma saída de mestre

Ano: 2003


Gênero: Suspense, Ação, Policial


Duração: 1h51min

Charlie Croker (Mark Wahlberg) é um gênio do crime, que está decidido a recuperar um cofre repleto de ouro que fora roubado por seu ex-sócio Steve (Edward Norton), que o traiu. Para tanto ele conta com uma gangue formada pelo gênio da computação Steve (Seth Green), Handsome Rob (Jason Statham), o especialista em explosivos Left Ear (Mos Def), o arrombador de cofres John Bridger (Donald Sutherland) e ainda a bela Stella Bridger (Charlize Theron). O plano da gangue é recuperar o cofre em plena Los Angeles, criando para tanto o maior engarrafamento que a cidade já viu em sua história.



Uma saída de mestre
Foto: Divulgação




   
Esse filme muito me surpreendeu. Não conhecia ele e descobri por acaso e acabei vendo sem muita expectativa. O filme é inteligente, bem bolado e com, literalmente, uma saída de mestre. Super recomendo.










2. A caixa


Ano: 2009


Gênero: Suspense, Ficção Científica


Duração: 1h55min




Norma Lewis (Cameron Diaz) é uma professora casada com Arthur (James Marsden), um engenheiro que trabalha para a NASA. Eles têm um filho e levam uma vida tranquila no subúrbio. Um dia surge um misterioso homem, que lhes propõe a posse de uma caixa com um botão. Caso seu dono aperte o botão ele ficará milionário, mas ao mesmo tempo alguém desconhecido morrerá. Norma e Arthur têm 24 horas para decidir se ficarão ou não com a caixa.





A caixa
Foto: Divulgação






   Eu conheço os trabalhos da Cameron em muitos filmes de comédia romântica ou de ação, que ainda tem um certo toque de humor em algumas cenas. Mas nunca tinha visto um sci-fi com ela. Esse filme passou muito por acaso num dos canais que eu estava escolhendo e, como estava no comecinho, resolvi conferir, afinal é sempre bom descobrir filmes diferentes… ou quase sempre…
  O filme inteiro é sobre um cara esquisito que aparece na porta da personagem da Cameron, uma professora que sofre preconceito por parte dos alunos, por ter um defeito no pé, devido a um acidente. Com o salário que ela e o marido ganham, mal dá para custear o pré-operatório, então eles vão levando. Até que esse cara esquisito aparece, com uma proposta mais esquisita ainda: eles vão ficar 24h com uma caixa, que tem apenas um botão. Basta ela apertar o tal botão e vai ficar milionária, mas se apertar, alguém vai morrer. Se ela não apertar, no dia marcado o dono da caixa vai simplesmente levar a caixa embora e nunca mais vai aparecer na porta dela.
   Isso faz o casal pensar, pois até que ponto a história do cara é real ou pegadinha. E, se apertarem o botão, realmente alguém vai morrer? Se eles ficarem ricos mesmo, a que custo seria isso? São perguntas que fazem a gente pensar logo de cara e parece que o filme vai engrenar… até acontecerem umas coisas muito confusas,  e eu me perdi no meio do caminho. A ideia era ser um sci-fi, mas ficou muito puxado pro sobrenatural e eu já não sabia mais nada do que tava acontecendo.
   O final é muito esquisito, igual ao dono da caixa e, sinceramente, acho que vou ter que assistir esse filme de novo para saber se realmente entendi a mensagem final. Por enquanto dou 3 estrelinhas, mas quem sabe se eu realmente entender a mensagem real do filme, a nota aumente… vai saber… 










3. Jack Reacher – Sem retorno


Ano: 2016


Gênero: Suspense, Ação


Duração: 1h59min




Jack Reacher (Tom Cruise) retorna à base militar onde serviu na Virgínia, onde pretende levar uma major local, Susan Turner (Cobie Smulders), para jantar. Só que, logo ao chegar, descobre que ela está presa, acusada de ter vazado informações confidenciais do exército. Estranhando a situação, Reacher resolve iniciar uma investigação por conta própria e logo descobre que o caso é bem mais pessoal do que imaginava.





Jack Reacher
Foto: Divulgação






   Ah… Tom Cruise é meu ator favorito e sou suspeita para falar dos filmes dele. Amo um filme com “tiro, porrada e bomba” e ele é mestre nisso. Se você curte um filme com bastante ação, indico esse de olhos fechados!











4. Rei Leão


Ano: 2019


Gênero: Aventura, Animação


Duração: 1h58min

Simba (Donald Glover) é um jovem leão cujo destino é se tornar o rei da selva. Entretanto, uma armadilha elaborada por seu tio Scar (Chiwetel Ejiofor) faz com que Mufasa (James Earl Jones), o atual rei, morra ao tentar salvar o filhote. Consumido pela culpa, Simba deixa o reino rumo a um local distante, onde encontra amigos que o ensinam a mais uma vez ter prazer pela vida.





Rei Leão
Foto: Divulgação







    Nossa, como sonhei em ver esse filme! Desde que anunciaram o live action eu comecei minha contagem regressiva. Cantar as músicas que embalaram minha infância, ver os personagens que tanto amava, numa versão mais real era um sonho… que se não fossem as músicas me pareceria mais que tava vendo algum programa de vida animal no Discovery Chanel ou Animal Planet.
   O filme é bom? É sim. Super indico, para todas as idades. Mas esse é um filme que vai encantar mais as crianças que não conhecem o clássico original. Pois quem viu o original sabe que faltaram algumas coisas no filme, e acho que vão concordar comigo que podíamos ter ficado com o desenho clássico mesmo. Tudo bem que tem a visão do diretor, tem gente que acha que o filme não tem a necessidade de ficar igual ao desenho, já que é livre interpretação… mas eu sinceramente gostei do filme, foi nostálgico sim, mas esperava algo mais impactante…










5. Alvin e os esquilos – Na estrada


Ano: 2015


Gênero: Aventura, Família


Duração: 1h32min

Ao retornar para casa, Dave (Jason Lee) encontra uma festa surpresa organizada por Alvin, Simon e Theodore para recepcioná-lo. É claro que o evento sai do controle, gerando inúmeras confusões. Irritado com o ocorrido, Dave avisa que viajará para Miami em breve e que deixará os jovens esquilos sob os cuidados de uma vizinha (Jennifer Coolidge). Só que, por acaso, os esquilos encontram em uma sacola um anel de noivado. Acreditando que Dave irá pedir a namorada Samantha (Kimberly Williams-Paisley) em casamento, Alvin e seus irmãos elaboram um plano para que o noivado não aconteça, já que acreditam que Dave possa abandoná-los. Quem irá ajudá-los nesta jornada é Miles (Josh Green), o filho de Samantha, que também não quer que eles se casem.





Alvin e os esquilos
Foto: Divulgação







   Minha mãe gosta mais de Alvin e os esquilos que eu, mas de vez em quando assisto com ela. Particularmente o meu preferido é o Theodore, o mais novo dos esquilos, que sempre se metem em confusão. É um bom filme para ver com a família, num domingo de tarde, acompanhada de uma pipoquinha e belas risadas.








6. Shaft 


Ano: 2000


Gênero: Policial


Duração: 1h39min

John Shaft (Samuel L. Jackson) um policial que precisa lutar contra o racismo e o tráfico de drogas em uma comunidade local. Quando um conhecido líder da comunidade negra assassinado por um racista filho de um rico e poderoso empresário, Shaft começa a investigar o caso e busca de todas as maneiras conseguir provas que o incriminem e o condenem perante a Justiça.






Shaft
Foto: Divulgação







   Eu já tinha visto o filme mais recente de Shaft, mas ainda não tinha visto esse de 2000. Achei no Netflix e vi junto com minha mãe. Mesmo sendo mais antigo, é um filme daqueles para não colocar defeito, tem uma boa história, “tiro, porrada e bomba” no meio e uma trilha sonora que meus amores, é de arrebentar! Super indico esse filme! 😉









7. Assassin’s Creed


Ano: 2016


Gênero: Ação, Ficção Científica


Duração: 1h56min

Callum Lynch (Michael Fassbender) descobre que é descendente de um membro da Ordem dos Assassinos e, via memória genética, revive as aventuras do guerreiro Aguilar, seu ancestral espanhol do século XV. Dotado de novos conhecimentos e incríveis habilidades, ele volta aos dias de hoje pronto para enfrentar os Templários. V





Assassin's Creed
Foto: Divulgação





   Lembro que vi esse filme pela primeira vez no cinema. E, depois de um tempo, vi novamente pelos canais da vida da TV.  Sou muito fã dos livros da série. Porém o filme me decepcionou da primeira vez que assisti, pois pensava que ia acompanhar os livros, que tem um início distinto do jogo que virou febre mundial. No livro, somos logo apresentados ao meu Assassino favorito, o Ezio Auditore. Porém o filme começa contando a história de Aguillar, um Assassino que é apresentado apenas no jogo, o qual nunca joguei, infelizmente. Talvez por isso eu tenha me decepcionado da primeira vez, porém agora, já sabendo que era diferente, vi sem aquela expectativa toda e gostei mais do filme. Ele tem bastante ação, fatos históricos e a famosa guerra entre Assassinos e Templários, que não podia faltar. Acho que, mesmo não conhecendo o jogo, nem os livros, é um bom filme para ver com os amigos, com o crush ou sozinhx mesmo. 😉





   E esses foram os filmes que vi. Já tinham visto algum deles? O que acharam das dicas? Me contem aí! 😉

Postado por:

Hanna de Paiva

Gostou? Leia esses outros:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Classificação de resenhas

Péssimo
Ruim
Regular
Bom
Ótimo

anuncie aqui