18 de setembro de 2018

Primeiras impressões: Imaginarium

   Olá meu povo, como estamos? Hoje eu trouxe as primeiras impressões da uma coletânea de contos organizada pela autora portuguesa Susana Silva: a antologia Imaginarium.

Antologia Imaginarium
Foto: Susana Silva

   Vem ver o que achei! 😉

Antologia Imaginarium

A busca por novas histórias pode levar-te a um universo totalmente único, onde você descobrirá um mundo paralelo em que princesas são verdadeiras guerreiras, piratas se tornam os mocinhos e sereias não são sereias.Aqui o leitor é convidado a entrar em momentos fantásticos onde a imaginação não tem limites. Vem, encare essa aventura. A fantasia pode te surpreender.

   É exatamente isso que Imaginarium quer te proporcionar: um universo totalmente único, onde nenhum personagem é como você pensava que era. Aqui, princesas são fortes e corajosas, verdadeiras guerreiras, e vilões tem seus momentos de mocinhos.
   Recebi três contos para ler, um da própria Susana, um da nossa autora parceira Gê Benjamim e um da Nanda Cruzo. São contos nem muito curtos, nem muito longos. E elas dominaram o assunto a sua maneira: A Susana foi mais para o lado da fantasia, enquanto as outras duas autoras pegaram mais para o lado do terror da coisa, mas sem perder o foco da fantasia.
   Pelo menos da Gê e da Susana, já conheço a escrita e ambas são bem fluidas. Já a Nanda eu conheci agora pelo conto e já gostei. Ela tem uma escrita bem forte e, mesmo dando um pouco de medo nos detalhes que ela não poupou, eu tinha que saber o que ia acontecer depois, já que ela tem esse dom de deixar o leitor curioso.
   Bom, falando sobre os contos propriamente ditos, falarei um pouco sobre eles, tentando não dar spoiler… (rsrs)
   A Susana nos trouxe uma versão diferente do clássico Peter Pan. Aqui temos o menino que não queria crescer se unindo ao Capitão Gancho para enfrentar um inimigo em comum. Ela teve toda a liberdade e criou uma Sininho bem diferente do que estamos acostumadas, que me surpreendeu até. E temos não apenas os personagens clássicos, como uns personagens extras dando um up nas história e o melhor, deu um equilíbrio super legal! 😊
   A Gê nos trouxe um conto bem parecido com uma das fábulas que ilustram nossos livros de escola, mas com um fim que me deixou bem admirada, devo dizer… Ela nos conta a história de um príncipe que está em missão para arrumar uma noiva para seu irmão mais velho, o próximo na sucessão ao trono. Só que nessas andanças acaba encontrando uma passagem mágica, que dá um bosque habitado por uma sereia solitária. O que parecia um encontro ocasional acaba se tornando outra coisa e o conto tem um final que nem eu acreditei quando li… 

“Não posso nem descrever o quanto é maravilhoso vê-la nadando por todo aquele lago de águas cristalinas, sua beleza estonteante indo e vindo em meio à cor verde das águas […]. Nem consigo acreditar que descobri aquele espaço mágico e de incrível beleza, e pensar que é todo meu, ao menos do pôr do sol ao nascer do sol.”

   Já a Nanda pegou mais para o lado contemporâneo com uma personagem que não faz muito o estilo princesa indefesa e faz de tudo, tudo mesmo, para evitar o casamento que seu pai arranjou. Ainda por cima, vai se casar numa sexta-feira 13, um dia bem auspicioso para casamentos não desejados… (sqn) Disposta a tudo para não se casar, ela foge de casa e vai parar um cemitério… mais um pequeno detalhe não auspicioso numa sexta-feira treze… O que ela encontra lá, só lendo mesmo para saber, mas posso dizer que não esperava também a reação dela…
   Cada uma fala de elementos de fantasia, sem perder sua identidade e gostei bastante do resultado.

“Sexta-feira treze. Sim. Um casamento numa sexta-feira treze. O problema não era me casar num dia como esse […], o problema era me casar. E com um cara que repudiei a vida inteira. Mas eu não tinha escolhas.”

Dizem que a primeira impressão é a que fica, então… deixo aqui o registro que as primeiras impressões de Imaginarium foram muito boas e que tem um ótimo potencial. 💓

Antologia Imaginarium
Foto: Hanna Carolina/Mundinho da Hanna

    Quem quiser adquirir o livro, está disponível em ebook pela Amazon
    Já conhecem a escrita de alguma dessas autoras? Me contem aí! 

Postado por:

Hanna de Paiva

Gostou? Leia esses outros:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Classificação de resenhas

Péssimo
Ruim
Regular
Bom
Ótimo

anuncie aqui