31 de janeiro de 2015

Resenha do livo: A Maldição do Tigre

   Olá pessoal! Hoje é sábado e dia de resenhas. Caso você não curta spoiler, não leia, pois tem alguns trechos do livro nessa postagem. O livro de hoje é o primeiro de uma saga na verdade, que tem previsão de estreia da adaptação do filme para esse ano (estreia logo!!!!).
   Enquanto o filme não sai, vamos à resenha! rsrsrs






Livro: A Maldição do Tigre

Autora: Colleen Houck

Editora: Arqueiro

Ano: 2011

“Paixão, Destino,
Lealdade.


Você arriscaria tudo
para salvar seu grande amor?”




   A Maldição do Tigre conta a história de Kelsey Hayes, uma
jovem que perdeu os pais recentemente e precisa arrumar um emprego para custear
a faculdade. Ela é contratada pelo circo e acaba sendo atraída por um tigre
branco, com lindos olhos azuis e que compartilha algo com ela: solidão.
   O que ela não sabe é que esse lindo e solitário tigre branco
é, na verdade, o príncipe Alagan Dhiren Rajaram, um príncipe indiano que foi
amaldiçoado há mais de 300 anos e que, provavelmente, Kelsey seja a única
pessoa capaz de salvá-lo dessa maldição.
   Após aceitar a missão dada por um benfeitor misterioso, que
propõe um bom pagamento para que Kelsey leve o tigre de volta às florestas
indianas, ela leva um susto ao descobrir que o tigre era um príncipe, que se
transformou diante dela; Kelsey então sabe da maldição e vai em busca da
primeira parte da tarefa para quebra-la, se metendo em vários mundos paralelos
e enfrentando personagens sombrios da mitologia hindu, tudo para salvar não
apenas o príncipe, por quem ela acaba se apaixonando, mas também seu irmão,
Kishan, que foi também amaldiçoado e se transforma em um tigre negro, e
compartilha com o irmão uma paixão avassaladora por Kelsey, o que gera várias
cenas de ciúmes entre eles.
   Esse é o primeiro volume de uma saga fantástica, que envolve
mitos hindus, lugares exóticos e personagens sedutores, os quais conseguem
prender sua atenção até a última página, deixando aquele gostinho de “quero
mais”. 
É o livro indicado para pessoas que, assim como eu, amam uma
aventura fantástica, com histórias de lugares distantes e uma pitada de romance
e comédia.
  Outra coisa que gostei desse livro é sobre as lendas e
mitos. Quando falamos em mitologias, a maioria das pessoas pensa na grega e na
romana, alguns se lembram de uma japonesa, mas é o primeiro livro que leio que
fala sobre a riqueza da cultura hindu. Uma cultura mega diferente, com costumes
e histórias muito interessantes e bonitas, que nos fazem viajar ainda mais
nesse mundo de aventuras que a autora nos proporciona, com uma riqueza de
detalhes que fazem nossa imaginação funcionar a mil por hora.


Confesso que li esse livro num momento não muito legal da
minha vida e ele me fez voltar a acreditar no amor, pois ele nasce onde você
menos imagina, cresce e se fortalece à medida que obstáculos surgem e só os
corajosos de fato lutam para ficar ao lado de quem amam. Lógico que não vou
viver num conto de fadas e encontrar num zoológico um tigre branco e achar que
ele seja um príncipe amaldiçoado (quem me dera encontrar um príncipe de
olhos azuis… rsrsrrs
), mas é sempre bom olhar para o nosso lado com mais
atenção, pois nosso grande amor pode estar bem perto e não enxergamos… E
Kelsey é uma menina muito corajosa, pois ela só aceitou ir até a Índia para
levar um tigre de volta ao seu hábitat natural, o que aconteceu depois é fora do
comum e ela tinha a possibilidade de dizer não a tudo aquilo e voltar pra casa,
fingindo que nada aconteceu e foi apenas um sonho maluco, mas decidiu ir em
frente e lutar pra ficar com um cara cheio de problemas a serem resolvidos. 
   Quantos
de nós teríamos coragem de enfrentar tantos problemas para salvar ou ficar ao
lado de quem amamos? Não falo de maldições ou coisas desse tipo, falo de coisas
do nosso cotidiano mesmo, os obstáculos que surgem com doenças, distância por
causa de estudos e coisas assim… quantos de nós seríamos capazes de dizer ‘Eu
te amo’ e realmente amar e lutar para ficar com aquela pessoa, aquele príncipe,
independente do que aconteça?
Postado por:

Hanna de Paiva

Gostou? Leia esses outros:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Classificação de resenhas

Péssimo
Ruim
Regular
Bom
Ótimo

anuncie aqui