18 de fevereiro de 2020

TAG Trinca de leitura

   Olá meu povo, como estamos? Hoje vou responder à TAG Trinca de Leitura, que vi no blog Cafeína Literária. Achei ela super divertida, ainda mais para a época mais animada do ano, que tudo acaba se tornando mais leve por tabela… 😉

TAG Trinca de leitura

   Quem não conhece a TAG, ela foi criada pelo blog O espanador, e consiste em apenas três perguntas, as quais devem ser respondidas com uma trinca de escolhas suas.
    E lá vamos nós!

1. Quais autores/obras se envergonha de ainda não ter lido? Ou ainda não leu direito?




J. R. R. Tolkien
Foto: Divulgação

J. R. R. Tolkien – Sou uma fã incrível de fantasia e gosto dos filmes que foram feitos da trilogia ‘O senhor dos aneis’, e ‘O Robbit’. O último tem mais ação, enquanto os outros acabam sendo mais longos… talvez tão longos quanto a leitura dos livros no qual foram baseados. Sei que comparar livros com filmes é um campo minado, pois muitas vezes o filme pode não retratar toda a beleza que tem ali escrita e, em poucas vezes, o filme é que salva o livro, que não era tudo aquilo que contavam. Mesmo sabendo que me irritaria com descrições e mais descrições detalhadas em certas cenas de ‘O senhor dos aneis’, confesso que me envergonho de nunca ter nem sequer me deixado ter a curiosidade de cheirar os livros ou folhear os coitados. 




Edgar Allan Poe
Foto: Divulgação




Edgar Allan Poe – Esse realmente é uma vergonha eu nunca ter lido. Especialmente porque tenho a estranha certeza de que, se eu der uma chance aos livros dele, vou gostar e querer ler mais dos livros dele. 




Isaac Asimov
Foto: Divulgação

Isaac Asimov – Já falei algumas vezes aqui que o autor está no hall dos meus autores favoritos. Porém só vim conhecer as obras de Asimov bem tarde e ainda não tive tempo de ler todos os livros que gostaria dele, especialmente a série ‘Robôs’ e ‘Os próprios deuses’. 



2. Quais autores/obras “destoam” sua biblioteca de leituras?


Aqui eu ia colocar, logo de cara, o tio Sparks. Mas a pergunta menciona livros que jamais entrariam na minha estante. Então não posso considerá-lo, já que tenho o famigerado livro ‘O casamento’, do qual falo mal quase em toda TAG. 😂😂




Trilogia 50 tons
Foto: Divulgação/Casas Bahia

Trilogia 50 tons de cinza – Por mais aclamada que seja esta bendita, tanto nos filmes quanto nos livros. Na minha estante ela não entra. Não faz muito meu estilo de leitura e eu também confesso que não curti nem sequer os filmes.  




Colleen Hoover
Foto: Divulgação

Colleen Hoover – Ela é famosa por sempre abordar temas polêmicos e fortes em seus livros. Mas eu sinceramente, não teria os livros da autora na estante. Gosto de livros que me façam sair do meu mundo real e me levem para viajar em outras dimensões, como a fantasia e o scifi conseguem com maestria. Os livros dela não me fariam sair muito do chão, já que se tratam de assuntos abordados na sociedade, e até mesmo nos jornais. Não estou dizendo que é ruim, pelo contrário, mas eu não teria por não fazer meu estilo de leitura. 


Stephen King
Foto: Divulgação

Stephen King – Agora é a hora em que vocês vão me tacar pedras, eu sei. Mas eu não leria os livros do autor por uma única razão. Os livros dele me dão medo, sério. Só de ler as resenhas eu já fico toda arrepiada, especialmente quando se trata de fantasmas. Sei que não faz sentido, já que eu sou louca para ler os livros de Edgar Allan Poe, e curto histórias de terror. Mas os do tio King eu passo longe. 

3. Quais autores/obras dá um trabalho hercúleo não gostar?


Aqui a pergunta tem o intuito de dizer os livros que todo mundo curte, menos você. Mas, sinceramente, achei que isso já está meio batido, então resolvi usar o sentido literal dela e apresentar os autores que eu não consigo não gostar, mesmo que eu tente.  


C. S. Lewis
Foto: Divulgação

C. S. Lewis – Apesar do livro mais famoso do autor ser o meu favorito dentre todos os que já li (As crônicas de Nárnia), esse não é o único motivo que me dá o tal trabalho hercúleo de não gostar. O que mais me fascina é que já li outros livros dele, como a ‘Trilogia Cósmica’, uma história mais com pegada scifi do que de fantasia e a linguagem dele é muito fluida. Isso é impressionante, já que ele vem de uma época em que era comum escrever em linguagem rebuscada nos livros, e ele conseguia passar a mensagem de uma maneira tão leve, tão simples, que é impossível eu resistir. 💓




Eduardo Spohr
Foto: Divulgação

Eduardo Spohr – Ele é conhecido pela trilogia (de quatro livros, rs) ‘Filhos do Éden’. Não sei se pelo fato de sermos conterrâneos, já que ele é carioca também, mas amo os livros dele. Pessoalmente também o Eduardo é de uma simpatia enorme e não tenho como não gostar dele, nem dos livros dele. 




George R. R. Martin
Foto: Divulgação

George R. R. Martin – Ok, ok… a orelha dele deve estar é queimando e quase caindo, de tanto que reclamo aqui no Mundinho, pessoalmente com meus amigos e sei lá mais onde for possível, o quanto ele está me enrolando para terminar a história de ‘Game of Thrones‘ nos livros. 😒 Mas admito que só reclamo porque me dá um trabalho hercúleo não gostar dos livros desse cidadão… a verdade é que ele tem talento para a escrita… e todo mundo se apaixona, mesmo que os tijolinhos assustem no primeiro momento. 



   E essas foram minhas respostas. Vocês já conheciam os autores? Quais seriam suas respostas? Uma coisa que achei curiosa foi que, mesmo falando sobre mim mesma, praticamente não citei uma autora de quem gostasse. Acho que serve até de lição para mim a busca por livros escritos por mulheres, para divulgar aqui. O que acham da ideia? Não marcarei ninguém, mas sintam-se à vontade para responder aTAG também. 😉

Postado por:

Hanna de Paiva

Gostou? Leia esses outros:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Comments

Classificação de resenhas

Péssimo
Ruim
Regular
Bom
Ótimo

anuncie aqui