25 de julho de 2020

Entrevista | Everton Gullar

Olá meu povo, como estamos? Hoje temos entrevista com o autor nacional Everton Gullar, o autor da trilogia Capital – Assassinos de Anúbis e, também, parceiro do Mundinho da Hanna.

Foto: Arquivo pessoal | Everton Gullar

1. Quem é Everton Gullar? 

R. É um autor gaúcho, criador da Trilogia Capital, seus crossover’s e o Série-CIVIL.

2. A trilogia Capital trouxe temas combinados de uma maneira bem criativa, como a Mitologia Egípcia e fatos de nosso cenário político atual. Qual foi a sua inspiração para criar essa estória com temas tão distintos? 

R. O meu amor por história, a Mitologia Egípcia é a minha preferida, contrabalanceando com um país terrivelmente corrupto e agora polarizado de ignorância e hipocrisia. O julgamento de Anúbis, é sem dúvida o mais justo de todos os deuses.

3. Apesar de ser uma trilogia já confirmada, o terceiro volume ainda está sendo escrito. Ele já tem data prevista para o lançamento? O que podemos esperar dos Assassinos de Anúbis nesse final?

R. O terceiro volume está sendo estruturado, ainda não o iniciei de fato. A data que trabalho é final de 2021, início de 2022. Pode esperar os mesmos diálogos com a realidade, tentando esclarecer as aberrações da sociedade, e claro, esperando que os Assassinos de Anúbis, enfim consigam vencer os inimigos.

4. Um personagem que ficou com todos os holofotes nessa trilogia foi o Sáfir, o lendário Tomate-Cereja. A personalidade dele é muito marcante e ele realmente deixa sua marca por onde passa. Ele é inspirado em alguém especial? 

R. Não, o Sáfir é totalmente criado para a trilogia. Uso esse personagem para discutir alguns dos assuntos que me incomodam. Assim como Marjorie/Cicic, balizam muito do que eu falo no meu dia a dia, minhas opiniões de vida, sociedade, política.

Foto: Arquivo pessoal | Everton Gullar

5. Além da trilogia Capital, você tem outras obras em vista? Conta um pouco para a gente sobre eles? 

R. Sim, em Março foi lançado o primeiro livro da Série-CIVIL, que conta a história de Heron Ulf, como um anti-herói urbano muito peculiar lutando contra vilões que muitas vezes parecem mocinhos para a opinião pública.

 6. Quais são os estilos literários que você mais gosta de ler? Tem algum(a) autor(a) que te inspira em seus trabalhos? 

R. Gosto de ler vários estilos, sou muito fã de Dostoiévski, Bukowski, Nietzsche, Paulo Coelho, Aghata Christie, Neil Gaiman, Stieg Larsson, entre outros. Amo muito seus livros, mas nenhum deles me inspira a escrever. Sempre busco criar sem influências para não cair em nenhuma comparação.

7. Você tem algum “ritual” para te inspirar no processo criativo (música, mania, etc.)? 

R. Não tenho ritual, sento e escrevo, com meu Moleskine e caneta. Em qualquer hora e lugar.

8. Tem algum recadinho para deixar aos leitores do blog? 

R. Leiam sem parar, é a única maneira de descobrir a verdade, e tornar esse mundo maluco mais suportável. É a única saída.

Vocês também podem conferir os livros de Everton Gullar, já resenhados aqui no blog: 

Assassinos de Anúbis

Olho de Hórus

Logo teremos mais resenhas de obras do autor por aqui. Fiquem ligados!

  Vocês já conheciam os livros do autor? Gostaram da entrevista? Me contem aí, bora conversar!

Postado por:

Hanna de Paiva

Gostou? Leia esses outros:

Os Escolhidos | Pedro P.R.

Os Escolhidos | Pedro P.R.

Olá meu povo, como estamos? Hoje eu trago a […]

TAG | Festa Junina

TAG | Festa Junina

Olá meu povo, como estamos? O meio do ano […]

Tags:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Comments

Classificação de resenhas

Péssimo
Ruim
Regular
Bom
Ótimo

anuncie aqui